A platéia ri do que vê, do que ouve e do que imagina.
(Alice Viveiros de Castro - Atriz, diretora e pesquisadora de Teatro e Circo-RJ)

 

NO BURACO
Atrás de um biombo de um metro de altura e sete de comprimento, o ETC E TAL subverte a imaginação do espectador através de cinco hilariantes pantomimas nas quais o público fica impossibilitado de presenciar o corpo inteiro dos atores.
Da platéia tem se a nítida impressão de “ver” os atores flutuando, voando, afundando, caindo, cavalgando,..., mas principalmente que o espectador ao lado está gargalhando tanto quanto ou mais do que o outro.